Memórias

Uh, papára parapá papára

Ah, fosse o último fosse o último instante

Da sua vida, o bastante

O que lhe marcaria?

 

Ah, seu último momento

Derradeiro sentimento

O que emocionaria?

 

Algo que foi, que se perdeu

Um caso para rir, que nunca esquece

Ou nada?

Quando entrou na festa privê

A história de amor dela e você

Ou nada?

Uma idéia, um furor, que lhe envolveu, lhe consumiu, endoideceu

Ou nada?

 

Uh, papára parapá papára

 

Ah, sua apoteose, saideira, última dose

Do que lembraria?

 

Quando engordou ou emagreceu

Foi para ganhar, depois não deu

Ou nada?

Quando quebrou o limite que alguém

Disse que não podia vencer

Ou nada?

Olhou para o mar e percebeu

Não precisa morrer para ver Deus

Ou nada

Uh, papára parapá papára